11 de fevereiro de 2016

Qual é o melhor Firewall para a sua empresa?

Um bom firewall é um recurso de segurança indispensável no ambiente de TI de qualquer empresa. Ele protege a rede contra ataques de hackers e diversos tipos de ameaças virtuais presentes na internet.

Diariamente são criados centenas e até milhares de novos mecanismos de ataques virtuais contra ambientes corporativos, desafiando as equipes de segurança de TI e fazendo com que algumas soluções de firewall já não sejam mais tão eficientes quanto anteriormente.

Apesar de existirem no mercado diversas opções de firewall, existem basicamente 3 tipos que se destacam e são utilizados na maioria das empresas, vamos ver quais são:

Firewall Linux

Este tipo de firewall se tornou muito popular a alguns anos em pequenas e médias empresas por seu baixo custo. Como o Linux é um sistema operacional de código aberto e sem necessidade de aquisição de licenças, o único investimento está relacionado a mão de obra de instalação e configuração dos mecanismos de proteção.

Apesar de alguns profissionais ainda optarem por este tipo de solução, os firewalls em Linux perderam espaço pois seus mecanismos de segurança não evoluíram na mesma velocidade que os ataques.

Este tipo de firewall faz basicamente um controle de portas e protocolos, que era suficiente a alguns anos atrás, mas hoje muitos ataques já estão sendo realizados em camadas superiores, a nível de aplicação, e dificilmente são detectados nestes recursos.

UTM – Unified Threat Management

Vimos no artigo “Conheça as principais ameaças virtuais e saiba como proteger sua empresa” as maiores ameaças virtuais que um ambiente de TI sofre diariamente. Para se proteger de todas essas ameaças, uma empresa precisa investir em uma série de recursos de segurança, como firewall, proxy, antivírus, antispam, comunicação segura entre outras demandas.

Instalar e gerenciar todos esses recursos separadamente eleva os investimentos em segurança, aumenta o tempo de gerenciamento da equipe de TI e os riscos de falhas, pois é preciso gerenciar diversas ferramentas separadamente.

Um firewall UTM na verdade é muito mais que um firewall, como o próprio nome diz, é uma Gestão Unificada de Ameaças.

Tendo o firewall como principal recurso, uma solução de UTM centraliza praticamente todas as demandas em segurança de um ambiente de TI, disponibilizando soluções como antivírus, anti-spyware, anti-spam, filtros de URL, deteção e prevenção de entradas não autorizadas, proxy e prevenção de fugas.

Para empresas que possuem mais unidades, algumas soluções de UTM também podem fornecer serviços como o encaminhamento remoto, tradução de endereços de rede (NAT, Network Address Translation) e criar redes virtuais privadas (VPN, Virtual Private Network).

A principal vantagem de um firewall UTM está na centralização do seu gerenciamento, todos os recursos são controlados através de uma única interface, necessitando de apenas uma atualização para todos os serviços que são totalmente integrados.

Apesar de algumas versões de UTM serem disponibilizadas para instalação em hardware de terceiros, o mais comum é que este tipo de serviço seja disponibilizado em appliances, que são equipamentos específicos, já dimensionados para suportar a carga de serviços e vem prontos de fábrica, reduzindo o risco de incidentes e paradas destes recursos, melhorando a performance das análises e assim colaborando para a produtividade dos usuários.

Next Generation Firewall – NGFW

Apesar do nome induzir que este tipo de solução é mais moderna que um firewall UTM, os firewall de próxima geração tem levam este nome por uma sugestão do Gartner indicando características de performance aprimoradas para uso em altas demandas de análise.

Os firewalls NGFW na verdade foram desenvolvidos para suprir uma deficiência das soluções tradicionais UTM, que quando aplicadas em altas demandas de análise e com muitas funcionalidades ativadas, podiam apresentar problemas de desempenho, devido a quantidade de serviços sendo gerenciados em um único hardware.

Atualmente, empresas líderes neste mercado como a Fortinet, desenvolvem hardware aprimorado com a utilização de ASIC´s, que nada mais são do que processadores dedicados a funções específicas, projetados para suportar alta carga de trabalho. Desta forma, é possível que um dispositivo classificado como NGFW suporte altas demandas de análises, mesmo com diversas funcionalidades de UTM ativadas.

Qual é o melhor firewall para sua empresa?

Entender as maiores necessidades e capacidades do seu ambiente de TI é o primeiro passo para definir qual tipo de firewall escolher, assim como o orçamento disponível para a segurança da informação.

De um modo geral, pequenas e médias empresas têm optado pelos firewalls NGFW aprimorados, com pacotes UTM ativados, já que estes recursos são mais fáceis de gerenciar, suprem a necessidade de aquisições complementares e exigem menos mão de obra para fazer seu monitoramento e controle. Além disso, um dispositivo que acumula várias funcionalidades sem perda de desempenho reduz a complexidade e o custo de propriedade da infraestrutura de TI.

A escolha de um firewall deve sempre levar em consideração qual o fabricante desta solução. Procure empresas confiáveis, renomadas em soluções de segurança que irão garantir a atualização dos serviços e suporte adequado sempre que necessário.

O fornecedor também deve ser uma empresa capacitada e experiente em projetos de segurança, que conte com o apoio e suporte do fabricante, garantindo assim o correto dimensionamento da solução e a configuração adequada dos serviços do seu firewall.
Conseguiu descbrir qual é o melhor firewall para sua empresa? Converse com os especialistas da Sercompe e descubra qual o melhor firewall para seu ambiente de TI.

sercompe_wp4
Posts made: 50

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts
You May Also Like