//Blog
21 de julho de 2016
Compartilhe:

 A importância da arquitetura de TI para o desempenho do seu negócio

 

Você consegue imaginar uma grande, média ou até pequena empresa sem nenhum recurso de tecnologia? Sem computadores, servidores ou acesso à internet? Seria muito difícil uma empresa assim funcionar bem nos dias atuais, concorda? O mais interessante é que essa dependência da infraestrutura de TI deixou de ser apenas no nível operacional e tem passado para o nível estratégico dos negócios, que se apoiam cada vez mais na arquitetura de TI para encontrar diferenciais e se destacar no mercado.

Isto significa que o desempenho de uma empresa depende cada vez mais da sua arquitetura de TI e do quanto ela está preparada para suportar novas demandas e gerar novas oportunidades. A infraestrutura de TI precisa ser dimensionada para alinhar o operacional com o tático, garantindo o bom desempenho do negócio nos 6 pilares que iremos abordar na sequência.

1 Garantia de desempenho dos recursos de TI

Não há nada mais desagradável para usuários de TI quando seus sistemas estão lentos e atrasam suas tarefas. Este problema é ainda mais grave para o negócio quando os usuários são os próprios clientes, como consumidores de um site de e-commerce, por exemplo. Se ao acessar a loja virtual o site estiver muito lento, a tendência é eles irem procurar os produtos que desejam na concorrência, e dificilmente retornem.

Existem várias causas que deixam uma rede ou sistemas específicos lentos, mas dentre as mais comuns está a própria arquitetura de TI, que não foi dimensionada para suportar uma determinada demanda de acessos.

2 Garantia de disponibilidade

Ainda mais grave que a lentidão de algum recurso é a falta dele. A indisponibilidade de um sistema, por exemplo, pode deixar uma empresa horas sem faturar, fazendo-a perder clientes e denegrindo a imagem do negócio.

Quando um servidor ou um recurso específico apresenta problema, o desenho da infraestrutura deve estar preparado com um plano de contingência que irá contornar o incidente, sem afetar a disponibilidade dos serviços para clientes e usuários.

3 Garantia de segurança

Uma arquitetura de TI bem projetada irá garantir a segurança dos recursos de TI e de toda a informação disponível na rede.

Esta arquitetura deverá proteger a empresa de ataques externos, quando os recursos corretos de firewall e sistemas de proteção são utilizados, assim como oferecer uma segurança eficaz contra vírus e arquivos maliciosos.

A infraestrutura de TI também deve conter um correto desenho das soluções de backup, que irão garantir a continuidade do negócio em um eventual desastre.

4 Aproveitar o Legado

Fazer um projeto para redimensionar uma arquitetura de TI não significa jogar tudo fora e começar do zero. Uma das maiores vantagens de se fazer um desenho da arquitetura de forma estruturada e estudada é justamente ter um melhor entendimento e uma análise crítica da estrutura atual, aproveitando ao máximo o legado no novo ambiente.

Ao reestruturar a arquitetura de TI, pode-se reutilizar servidores em projetos de virtualização, fazer pequenos upgrades ou apenas renovar os contratos de suporte com fabricantes.

É importante reforçar apenas a importância para a empresa de sempre utilizar recursos que tenham contratos de suporte vigentes, e sempre que possível com acordos de SLA que estejam alinhados com as necessidades do negócio.

SERCOMPE_corpo_20_7_2016 arquitetura de ti

5 Estimar novos investimentos

A infraestrutura de TI também deve ser um sinalizador para a necessidade de novos investimentos. Com as constantes mudanças no mercado e a evolução da tecnologia, é preciso haver um planejamento para garantir que os investimentos realizados estejam de acordo com as estratégias definidas, e trarão retorno para o negócio no menor tempo possível.

O projeto da arquitetura de TI deve ser revisado com frequência junto com uma análise detalhada do ambiente atual e seus relatórios de utilização. Estas informações servirão de referência para que os gestores de TI identifiquem possíveis gargalos e priorizem seus investimentos.

6 Participação nas estratégias de negócio

A TI ganhou espaço e tomou conta de praticamente todos os setores de uma empresa, afetando diretamente os resultados e a produtividade do negócio. Na produção, existem diversos sistemas que automatizam os processos, otimizam a utilização de matéria prima e fazem uma melhor gestão do estoque.

Nos setores administrativos, os ERPs integram diversas áreas, como financeiro, compras e RH, tornando os processos mais rápidos e menos burocráticos.

No setor comercial, existem uma série de soluções que ajudam as equipes a organizarem o relacionamento com clientes, otimizando o funil de vendas desde a prospecção até o fechamento de um negócio.

No marketing, as redes sociais e novas estratégias como o marketing de conteúdo inovaram a forma como as empresas geram oportunidades, abrindo um novo leque de opções.

Por fim, tudo isso pode ser integrado a um sistema de BI (Business Intelligence) que irá ajudar empresários e gestores a tomarem as melhores decisões estratégicas baseados em tendências e dados reais do negócio.

Como ter a melhor arquitetura de TI?

Empresas de todos os tamanhos e de todos os segmentos tem utilizado a TI como um pilar fundamental na definição das suas estratégias de negócio. Seja para otimizar a produção, na geração de novas oportunidades ou na fidelização dos clientes, é preciso estar antenado quanto as novas opções e ficar de olho nas ações que os concorrentes estão realizando.

Porém, não existe remédio único para todas as dores. O desenho da arquitetura de TI deve ser projetado de acordo com necessidades específicas de cada empresa, levando sempre em consideração as demandas do negócio, os objetivos estratégicos, os riscos suportáveis e o orçamento disponível.

Ter o apoio de um parceiro especialista é fundamental na fase de planejamento e desenho da arquitetura, tendo em vista que um projeto inadequado pode colocar em risco aspectos como desempenho, segurança e disponibilidade dos recursos de TI.

Uma empresa que possui profissionais capacitados irá otimizar a arquitetura de TI aproveitando ao máximo o legado existente e garantindo a continuidade do negócio. Sempre que possível, escolha um parceiro que esteja preparado para oferecer um suporte adequado após a estrutura estar em funcionamento.

Encontrar um parceiro adequado que entenda de tecnologia e saiba alinhar com as necessidades de cada negócio, irá ajudar gestores a focarem mais nas estratégias empresariais e a se sentirem seguros quando ao melhor funcionamento da sua infraestrutura de TI.

 

Deixe seu Comentário
Deixe seu Comentário

Whatsapp
Fecha Menu

//SOLICITAR ORÇAMENTO







    Receba uma solução personalizada, fruto de um trabalho de pesquisa, análise e arquitetura, realizada por nossos especialistas em tecnologia e liderada pelo nosso time de negócios, com um objetivo comum: entregar resultados concretos para o seu negócio.

    Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.