11 de novembro de 2017

Infraestrutura convergente: simplicidade com tudo definido por software

Uma das siglas que vem ganhando destaque no ambiente corporativo nos últimos anos é a SDE – Software Defined Everything. A SDE é o ponto de convergência de diversas estratégias de virtualização, automação e orquestração que se propõem a otimizar a utilização dos recursos físicos, entre eles processamento, armazenamento e redes. O grande benefício da SDE é permitir a criação de uma infraestrutura que seja capaz de entregar capacidades de computação adequadas à cada carga de trabalho, de maneira flexível e gerenciável e na forma de serviço, livre das amarras da infraestrutura tradicional em ilhas.

O maior desafio da SDE é a integração de equipamentos de diferentes tecnologias em uma única camada de serviços. Como resposta à esta demanda, surge o conceito de infraestrutura convergente: equipamentos com alto poder computacional perfeitamente integrados como um pacote que entrega recursos e ferramentas de gerenciamento, automação e orquestração de forma flexível e adaptável à diversas cargas de trabalho.

Quer saber mais sobre o tema e como ele impacta a sua empresa? Então leia o nosso post de hoje!

Os três pilares da infraestrutura convergente

Em um mundo em constante transformação, a capacidade de responder rapidamente às demandas de mercado são um diferencial competitivo importantíssimo para as organizações. De uma hora para outra, novos competidores, novos serviços e novas demandas dos consumidores aparecem e colocam à prova a capacidade de adaptação das empresas. Diante deste cenário a tecnologia da informação desponta como um grande aliado, e já falamos um pouco sobre este assunto neste post.

A infraestrutura convergente se baseia em três pilares para auxiliar as organizações a estar sempre à frente:

Virtualização: A virtualização permite o uso otimizado e flexível dos recursos computacionais, além de possibilitar a sua rápida alocação. Isso significa liberdade para definir e redefinir suas prioridades a qualquer momento, sempre que necessário, sem precisar esperar que novos equipamentos sejam adquiridos para atender às demandas mais urgentes.

Automação: Processos consolidados, tarefas repetitivas e atividades de suporte à operação conhecidas e mapeadas sendo realizadas automaticamente, sem intervenção humana e livre de falhas. A automação garante agilidade, libera o tempo dos profissionais de TI para tarefas nobres e reduz custos: atividades podem ser realizadas fora do horário comercial sem a necessidade de um operador.

Orquestração: Todos os componentes da infraestrutura funcionado em perfeita sintonia: desde sistemas legados até os mais recentes aplicativos interagindo de forma eficiente e aumentando a produtividade.

Benefícios da infraestrutura convergente

Um dos maiores benefícios da infraestrutura convergente é responder rapidamente às demandas de negócio utilizando todos os recursos de forma plena, unindo vantagem competitiva e o máximo de retorno sobre os investimentos.

Na infraestrutura tradicional, o ambiente de TI funciona como um arquipélago: cada aplicação é uma ilha, com seus próprios recursos, ferramentas e pessoas para dar o suporte adequado. Para garantir que tudo continue funcionando tanto na alta demanda quanto na baixa, as empresas precisam investir em recursos excedentes: um verdadeiro desperdício.

Na infraestrutura convergente todos os recursos estão disponíveis para todas as aplicações, e a redução e ampliação de capacidade pode ser executada de forma orquestrada e automatizada: o recurso certo, para aplicação certa, na hora certa, sem desperdícios!

Por que adotar a infraestrutura convergente

A manutenção de ambientes de TI eficientes é um desafio para todas as organizações. A pressão dos mercados em constante movimento, obriga os negócios a ter a capacidade de se adaptar rapidamente às mudanças.

Diariamente, novas políticas de gestão de TI, equipamentos e sistemas surgem para responder à estas demandas de negócios, exigindo cada vez mais das cada vez menores equipes de TI das empresas.

É nesse cenário que a infraestrutura convergente entra, permitindo responder de forma ágil e eficiente aos desafios conhecidos e preparando a organização para os que estão por vir.

Quer saber mais sobre a infraestrutura convergente? Então curta a nossa página no Facebook  e no LinkedIn e fique por dentro das novidades!

sercompe_wp4
Posts made: 50

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts
You May Also Like